Carregando
Recife Ao Vivo

CBN Recife

00:00
00:00
Eleições 2020

Ação de Sérgio Leite retira enquetes falsas das redes sociais

Por: REDAÇÃO PORTAL
A justiça eleitoral decidiu que perfis anônimos em redes sociais retirassem do ar enquetes

Foto: Divulgação

26/10/2020
    Compartilhe:

A justiça eleitoral decidiu que perfis anônimos em redes sociais retirassem do ar enquetes que supostamente distorciam o cenário para a eleição de prefeito do Paulista. A representação foi impetrada pelo candidato a prefeito Sérgio Leite (PP), na última quinta-feira (22) e a decisão foi publicada nesse sábado (24). O processo 0600653-36.2020.6.17.2012 solicitou a retirada do ar de duas enquetes realizadas por perfis anônimos no Instagram e Facebook sobre a corrida eleitoral no município. A prática é vedada pela lei eleitoral e mesmo assim vem se tornando corriqueiras sem o preenchimento de critérios como o registro na justiça e a transparência dos dados.

“Muitas pesquisas em redes sociais são manipuladas. É comum que uma pessoa vote mais de uma vez, criando perfis falsos para favorecer o candidato do seu agrado. Uma prática que induz o eleitor a um cenário que não existe, totalmente fora da realidade, e que pode estar escondendo os interesses de grupos políticos”, afirmou Sérgio Leite. “Não é a primeira vez que usam desse artifício para prejudicar nossa candidatura. Nas últimas eleições fui vítima de boatos espalhados pela cidade que tiveram o objetivo de desidratar meu grupo político. Até avião com faixas mentirosas sobrevoou a orla buscando denegrir minha imagem. Não vamos nos calar. Para cada mentira que surgir, acionaremos a justiça”, explicou.

“Um ex-prefeito tenta de todas as formas voltar ao poder e faz uso dos mais ardilosos esquemas para tentar apagar minha candidatura porque sabe que sou a verdadeira oposição em Paulista. Essa prática de divulgação de pesquisas falsas e manipuladas é corriqueira, mas não vai nos intimidar. Seguimos firmes, animados e cientes de que somos os únicos capazes de mudar para melhor a administração da cidade”, pontua Sérgio Leite.

Os perfis que realizaram e divulgaram as enquetes suspeitas não possuem a identificação clara dos seus proprietários. “Por decisão judicial, o Facebook terá um prazo de cinco dias para prestar informações sobre os responsáveis pelos dois perfis. Vamos combater a mentira e a desinformação com transparência, para que a população saiba quem está por trás dessa prática ardilosa que busca influenciar o voto com mentiras e distorções”, declara Sérgio.

Notícias Relacionadas

Comente com o Facebook