Carregando
Recife Ao Vivo

CBN Recife

00:00
00:00
Economia

Bancos aderem ao programa Desenrola do governo nacional que visa reduzir índices de inadimplência dos brasileiros. Advertência sobre golpes.

Por: REDAÇÃO PORTAL
Bancos aderem ao programa Desenrola do governo nacional que visa reduzir índices de inadimplência dos brasileiros. Advertência sobre golpes.
20/07/2023
    Compartilhe:

O programa que visa reduzir os índices de inadimplência das pessoas com CPF negativado, está correndo na sua Faixa II, que contempla pessoas naturais com renda até R$20.000. Até agora tem aderido à proposta, que era promessa do governo Lula, o Banco do Brasil, Bradesco, Caixa Econômica Federal, Itaú e Santander.

Alerta contra os golpes

Os cidadãos têm que estar alerta contra os golpes que já estão sendo reportados por meio de promessas de redução até do 99% na internet, ligações e aplicativos de mensagens, por isso é necessário negociar diretamente com a sua instituição financeira, ir pessoalmente se tem dúvidas ou no caso verificar que se trate dos meios de comunicação oficial da entidade bancaria.

 

Se deve pouco melhor esperar

É provável que para pessoas com dividas que não superem os R$5.000 e ganhem até 2 salários mínimos, e participem dos programas do governo, seja melhor esperar a Faixa 1 que se espera comece em setembro.

Por agora está valendo a Faixa II e cujas dividas foram inscritas nos cadastros até 31 de dezembro de 2022.

Com o programa o governo pretende beneficiar até 30 milhões de brasileiros negativados.

 

Banco do Brasil

Tem ofertas diferenciadas para renegociação de dívidas;

A baixa da negativação dos nomes de pessoas com dívidas inferiores a R$ 100 será concluída até a sexta-feira, 21;

Os clientes interessados podem usar o aplicativo BB, o Internet Banking (clique aqui para pessoa física e aqui para pessoa jurídica), a Central de Relacionamento, o WhatsApp ou a rede de agências.

Bradesco

Participa com apoio aos clientes para renegociação de dívidas;

A renegociação pode ser feita através do Portal de renegociação, dos canais digitais, das plataformas de parceiros ou nas agências do banco.

Caixa Econômica Federal

Proporciona condições especiais, incluindo descontos de até 90% para quitações à vista e parcelamento de dívidas;

O banco também está realizando um programa próprio (“Tudo Em Dia CAIXA”) que oferece a renegociação das dívidas de pessoas físicas ou jurídicas com descontos de até 90%;

Os clientes podem acessar o site “CAIXA Desenrola“, entrar em contato pelo WhatsApp, telefones específicos ou pelo aplicativo CAIXA Tem, opção “Desenrola Brasil”.

Itaú Unibanco

Aderiu ao programa e dará descontos e condições especiais, com redução de taxas de juros de até 60% para dívidas em atraso;

Clientes com dívidas de até R$ 100 terão suas negativações removidas durante o mês de julho, mas, caso o cliente não faça a adesão ao “Desenrola” nos próximos meses, a negativação retornará aos cadastros de inadimplência;

Os canais disponíveis para adesão ao programa são o WhatsApp e o site de renegociação do Itaú.

Santander

Terá ofertas especiais para renegociação de dívidas, incluindo taxas flexíveis, descontos de até 90% e parcelamentos em até 120 vezes;

Os clientes podem entrar em contato pelo telefone ou acessar o site de renegociação do Santander.

Notícias Relacionadas

Comente com o Facebook