Carregando
Recife Ao Vivo

CBN Recife

00:00
00:00
Notícias

Gleide Ângelo é nomeada Presidente da Secretaria Nacional da Mulher na União Nacional dos Legisladores e Legislativos Estaduais

Por: REDAÇÃO PORTAL
A pernambucana já é presidente da Comissão de Defesa dos Direitos da Mulher da Assembleia Legislativa e tem regido seu trabalho em favor do enfrentamento à violência contra as mulheres, com a criação e a implementação de politicas públicas
16/02/2022
    Compartilhe:

A Deputada Delegada Gleide Ângelo (PSB) foi nomeada para a presidência da Secretaria Nacional da Mulher na União Nacional dos Legisladores e Legislativos Estaduais (UNALE). O ato de posse acontecerá na próxima segunda (21), na sede da instituição, em Brasília. A pernambucana já é presidente da Comissão de Defesa dos Direitos da Mulher da Assembleia Legislativa e tem regido seu trabalho em favor do enfrentamento à violência contra as mulheres, com a criação e a implementação de politicas públicas para a prevenção de assistência e de garantia dos direitos às vítimas.

A Secretaria de Mulher da UNALE concentra ações e projetos políticos bem sucedidos em favor de todas as brasileiras, trabalhando pela presença e pela participação feminina nos espaços de poder e pelo combate à violência politica em todo Brasil – lei que, em Pernambuco, tem autoria da Delegada Gleide. “Vivemos numa sociedade machista e sexista, onde, acredito, que a maioria das mulheres já tenham sofrido privações, agressões e outras formas de violência em algum momento de suas vidas. Conquistar nosso espaço de fala e de poder vem sendo uma importante arma para a desconstrução desta realidade cruel”, pontua a deputada pernambucana.

Em pouco mais de três anos de seu primeiro mandato, Gleide Ângelo se destaca pelo discurso e pelas atividades em favor do fortalecimento da rede de apoio e de proteção às pernambucanas. Ainda em seu primeiro ano no legislativo, a parlamentar foi autora de uma emenda à Constituição Estadual que inclui e assegura a proteção à mulher vítima de violência como competência do Estado. Ademais, já são mais de 220 projetos de leis apresentados e 84 leis sancionadas, onde as políticas pelas mulheres têm amplo destaque.

A Delegada também se destaca pela ampliação das Delegacias de Proteção às Mulheres em todo Pernambuco. Agora, serão 18 unidades especializadas, além da implantação dos Núcleos de Atendimento à Mulher nas demais delegacias de todo estado. “Aproximar o equipamento público e especializado da população é mais um degrau para que todas as mulheres possam contar com o atendimento apropriado. Nosso trabalho se centra na desconstrução de barreiras para uma sociedade em que todas as mulheres possam viver livres de qualquer tipo de opressão”, comentou.

HISTÓRIA — A União Nacional dos Legisladores e Legislativos Estaduais foi fundada há 26 anos e é a única entidade com reconhecimento de atuação pelo Supremo Tribunal Federal (STF) e pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ) de representação de todas as Casas Legislativas do país. Os secretários da UNALE buscam assumir a defesa dos interesses de todos os estados da federação, propagando as ações legislativas, firmando parcerias para o aperfeiçoamento e a qualificação de todos os 1059 deputados estaduais do Brasil. “A Unale representa todo o Brasil. Assim, me sinto grata por ter sido escolhida pela instituição para conduzir os projetos nacionais pelas mulheres de todos país. Acredito que, com a relevância e o alcance da Unale, poderemos debater questões urgentes e pertinentes a todas as brasileiras. Além de buscar alternativas que proporcionem melhores condições de vida para todas as mulheres do Brasil”, conclui.

Notícias Relacionadas

Comente com o Facebook