Carregando
Recife Ao Vivo

CBN Recife

00:00
00:00
Educação

Justiça do Trabalho mantém suspensas aulas presenciais da rede privada de Pernambuco

Por: REDAÇÃO PORTAL
O Pedido para liberação da volta das aulas presenciais foi feito pelo Sindicato dos Professores da Rede Privada (Sinpro-PE)

Foto: Reprodução/Internet

07/10/2020
    Compartilhe:

Foi negado o pedido feito pelo Sindicato dos Estabelecimentos de Ensino no Estado de Pernambuco (Sinepe)  de liberação das aulas presenciais na rede privada.

A decisão foi dada pelo juiz Hugo Cavalcanti Melo Filho, da Justiça do Trabalho.O Governo de Pernambuco, réu no processo, informou que ingressou com recurso para tentar reverter a decisão.

Ao pedir que o juiz reconsiderasse sua decisão, o Sinepe argumentou que existe cláusula convencional definindo o retorno às atividades presenciais. No processo, os donos de escola anexaram o texto da Convenção Coletiva de Trabalho 2020/2021. O pedido foi protocolado nessa terça (06)

O governo havia autorizado a volta das aulas presenciais a partir desta terça-feira (6) para os alunos do 3º ano do ensino médico. No entanto, o Sindicato dos Professores da Rede Privada (Sinpro-PE) ingressou com uma ação requerendo a suspensão do retorno e obteve decisão favorável da Justiça do Trabalho.
 

Notícias Relacionadas

Comente com o Facebook