Carregando
Recife Ao Vivo

CBN Recife

00:00
00:00
Notícias

Metroviários encerram greve com vitória pela recuperação do metrô pelo Governo Federal

Por: REDAÇÃO PORTAL
De acordo com o presidente do Sindmetro-PE, Luiz Soares, a categoria volta às atividades a partir da 0h de segunda-feira.

Foto: Humberto Costa (PT) declarou: "O que testemunhamos foi uma situação alarmante./ Foto Divulgação.

26/08/2023
    Compartilhe:

Em assembléia realizada nesta sexta-feira, 25 de agosto, na Praça da Greve, na Estação Central do Metrô, os metroviários decidiram encerrar a greve a partir da 0h de segunda-feira (28/08), depois de obter grande vitória com a garantia da recuperação do sistema, além da restituição dos valores descontados, em folha suplementar, até o quinto dia útil do próximo mês. A proposta foi votada pela categoria e aprovada por 112 votos a favor e 62 contra.

De acordo com o presidente do Sindmetro-PE, Luiz Soares, a categoria volta às atividades a partir da 0h de segunda-feira. "Manteremos o estado de greve e teremos nova assembléia em 5 de setembro para avaliar a resposta da CBTU", disse.

A proposta aprovada pela categoria foi a seguinte:

- IPCA  de 3,45% para toda a categoria;
- Piso salarial distribuído em 5 níveis (quem está do nível 110 pra baixo, recebe 5 níveis. Quem está do 111 para cima recebe o que faltar para chegar até 115);
- Garantia de ACE em caso de privatização ou extinção 
- Garantia do Dia do Metroviário;
- Garantia redução da jornada de trabalho para quem tem filho com deficiência, sem a redução do salário;
- Revisão ao estudo do PES para ser apresentada em menos de 20 dias.

Além disso, também foi apresentada cláusula do Acordo Especial, com garantia de emprego em caso de privatização.

Recuperação do Metrô - Ainda de acordo com Luiz Soares, "A diligência do Senado e Câmara Federal, juntamente com comitiva de parlamentares pernambucanos que inspecionou as condições do Metrô do Recife (Metrorec), garantiu a recuperação do Metrô, é uma vitória da nossa greve por tempo indeterminado".

O senador Humberto Costa (PT) declarou: "O que testemunhamos foi uma situação alarmante; um estado de decadência que se agravou nos últimos dois governos, com cortes nos recursos de operação e investimento. No entanto, ao mesmo tempo, pudemos identificar o potencial do metrô, seja em termos de experiência ou estrutura. O que precisamos agora, antes de qualquer discussão, é interromper esse processo de deterioração."

Notícias Relacionadas

Comente com o Facebook