Carregando
Recife Ao Vivo

CBN Recife

00:00
00:00
Negócios

Paulo Câmara participa de voo inaugural da Azul entre Recife e Serra Talhada, no Sertão

Por: REDAÇÃO PORTAL
Governador embarcou, no Recife, na mesma aeronave que fez o trecho inaugural entre Caruaru, no Agreste, e a capital pernambucana

Foto: Sérgio Bernardo/SEI

11/11/2020
    Compartilhe:

Sertão e Agreste pernambucanos estão conectados pelo serviço de transporte aéreo da Azul, a partir desta quarta-feira (11.11). A companhia começou a operar regularmente voos diretos, duas vezes por dia, entre o aeroporto do Recife e o Santa Magalhães, em Serra Talhada, no Sertão do Pajeú; e também para o Oscar Laranjeira, em Caruaru, no Agreste. O governador Paulo Câmara embarcou, nesta manhã, no Aeroporto dos Guararapes, no voo inaugural com destino a Serra Talhada, acompanhado da secretária de Infraestrutura e Recursos Hídricos, Fernandha Batista, do deputado federal Sebastião Oliveira e diretores da Azul. A aeronave partiu às 8h30, em um voo com duração de uma hora e meia.

Os voos são panorâmicos, em baixa altitude, o que permite a conexão 4G. O governador e os demais passageiros, ao todo nove pessoas, viajaram em um avião modelo Cessna Gran Caravan. Antes do embarque, Paulo Câmara acompanhou o batismo da aeronave, que acabava de chegar de Caruaru. Na cerimônia, integrantes do Corpo de Bombeiros lançaram jatos d'água sobre o avião. O ato acontece quando se trata da inauguração de uma nova rota ou de um novo transporte aéreo.

"Acompanhando no Aeroporto dos Guararapes a chegada do voo da Azul, vindo de Caruaru, com uma expectativa muito positiva, porque é o início de grandes transformações na aviação regional de Pernambuco a partir de cidades importantes como Caruaru e Serra Talhada. É o voo inaugural, e com certeza outros virão, com aeronaves maiores. É um passo importante para a gente chegar ao patamar que queremos, com conectividade com o interior de Pernambuco e com todo o Brasil", disse Paulo Câmara, momentos antes de embarcar. No desembarque, em Serra Talhada, o governador elogiou a viagem. "Muito boa. Saímos no horário, chegamos no horário, um voo tranquilo, recomendo a todos. Foi um voo muito bem pensado, bem planejado", disse.

A secretária Fernandha Batista participou do voo entre Caruaru e Recife, iniciado nesta quarta-feira, às 7h. Ao desembarcar na capital, 45 minutos depois, encontrou com o governador para participar também do voo para Serra Talhada. "A experiência foi muito boa, um momento marcante para o desenvolvimento do Agreste. As pessoas ficaram bastante emocionadas em Caruaru, muita gente aguardando o momento da chegada da aeronave, do batismo da aeronave. Uma satisfação enorme participar deste momento que traz tanto desenvolvimento para o Agreste. Mais de um milhão de pessoas terão a oportunidade de, rapidamente, estar em outra aeronave para, a partir do Recife, seguir para qualquer capital do País. Então, essa parceria com a Azul é muito importante para o Agreste e para o Sertão do Estado. Traz muito desenvolvimento", comemorou.

A Azul Conecta, empresa sub-regional da companhia aérea, é a responsável pelas ligações entre as cidades do Sertão e Agreste com a capital pernambucana. As vendas de passagens começaram em outubro, em todos os canais oficiais da Azul. Os valores promocionais podem ser encontrados a partir de R$ 323,90, para Serra Talhada, e R$ 194,80 para Caruaru.

O deputado federal Sebastião Oliveira também se emocionou com a inauguração do voo para Serra Talhada, sua terra natal. "Era algo muito esperado para a nossa cidade e um marco histórico para a região do Pajeú, que hoje entra na conectividade da aviação comercial, fruto de muito esforço do governador Paulo Câmara e nosso. Agradeço ao governador, agradeço em nome do ex-ministro Maurício Quintela e a toda equipe técnica da Azul, que conseguiram realizar esse sonho importante para o desenvolvimento da nossa cidade, cidade polo no Sertão do Pajeú e a segunda maior do Sertão", afirmou Oliveira. O laço vermelho posto em frente ao pórtico de embarque, simbolizando o voo inaugural para o Sertão, foi desamarrado pelo filho do deputado, Sebastião Neto, de 5 anos.

Terminais – A Seinfra segue atuando na reestruturação do aeroporto de Caruaru. Em 7 de outubro, foi assinada a ordem de serviço para a execução da reforma do prédio do terminal de passageiros, que será concluída nas próximas semanas. A iniciativa também inclui a remoção dos obstáculos determinados pelo Plano Básico de Zona de Proteção de Aeródromo (PBZPA). O investimento é de aproximadamente R$ 450 mil. Em Serra Talhada, para o tipo de aeronave que a Azul Conecta irá operar neste momento, não será necessária a realização de obras no terminal. No entanto, prevendo a crescente demanda, está em fase de conclusão o projeto de engenharia necessário para a contratação das obras de reestruturação do aeródromo.

O padre Custódio Francisco de Sá, morador de Serra, costumava gastar cinco horas de carro até a capital pernambucana. Agora, celebra a redução da viagem no trecho. Nesta manhã, era um dos passageiros da aeronave com destino ao Recife. "O voo é importante para toda a região. Temos muitos eventos por aqui e muita gente do Sul queria vir e não tinha essa facilidade. A perspectiva é boa daqui para frente", disse.

Além disso, está em fase avançada o estudo para a concessão da empresa que irá operar, como parceira, os aeroportos de Caruaru, Serra Talhada e do Arquipélago de Fernando de Noronha. Dois estudos técnicos foram recebidos pelo Governo de Pernambuco e ajustados para subsidiar a modelagem de concessão para expansão, exploração e manutenção dos aeródromos.

Azul – As operações nas bases de Serra Talhada e Caruaru vão ampliar a malha de destinos da companhia, que passará a ter 94 destinos atendidos no Brasil e no exterior.  As novas operações seguirão os rígidos protocolos sanitários adotados pela empresa desde o início da pandemia. A Azul reforçou a limpeza de suas aeronaves a cada voo e à noite, seguindo os protocolos sugeridos pela IATA. A companhia também tornou obrigatório o uso de máscaras por tripulantes e clientes, tanto a bordo quanto em solo. Em outra iniciativa pioneira, a Azul passou a medir a temperatura dos tripulantes a cada início de turno.

A companhia tem orientado o check-in pelo aplicativo e, para aqueles que precisem despachar a bagagem, sugere o uso dos balcões de autoatendimento, em que o próprio cliente etiqueta sua bagagem, sem contato com a tela dos tablets. Além disso, a partir do próximo mês, a Azul adota o sistema de raio ultravioleta da Honeywell na limpeza do interior de suas aeronaves. O UV Cabin System é capaz de higienizar o interior de uma aeronave em menos de dez minutos. A tecnologia representa uma camada a mais de segurança que será gradualmente introduzida na frota da Azul, a primeira empresa aérea da América Latina a trazer essa inovação.

 

Notícias Relacionadas

Comente com o Facebook