Carregando
Recife Ao Vivo

CBN Recife

00:00
00:00
Literatura

VIII Prêmio Hermilo Borba Filho de Literatura

Por: SIDNEY NICÉAS
Prêmio traz algumas alterações em relação ao ano anterior e promete ser ainda mais democrático

Foto: Reprodução/Revista Continente/Arte Tesão Literário

15/05/2022
    Compartilhe:

*por Sidney Nicéas

Pernambuco tem tradição em gestar grandes nomes da literatura brasileira. Fomentar a produção literária, assim, é também um dever do Estado. Nessa esteira, a Secretaria de Cultura do Estado de Pernambuco (SECULT-PE) e a Fundação do Patrimônio Histórico e Artístico de Pernambuco (FUNDARPE), em parceria com a CEPE Editora, divulgaram anteontem o edital do VIII Prêmio Hermilo Borba Filho de Literatura, oportunidade não somente de premiar escritores residentes nos quatro cantos do Estado, mas, acima de tudo, de trazer à lume a produção feita na terra onde viveram nomes como Clarice Lispector, Ariano Suassuna, João Cabral de Melo Neto e Ascenso Ferreira, e onde vivem nomes como Raimundo Carrero, Cida Pedrosa, Ronaldo Correia de Brito e Sidney Rocha, dentre tantos outros.

É justamente a ideia de pluralidade do prêmio, mantida desde seu formato original, que faz dele tão relevante. A premiação, assim, prestigia a qualidade do texto e pulveriza as oportunidades. “É um edital regionalizado. A gente não premia por gênero, mas sim por região. E lembro que a comissão julgadora tem soberania, inclusive, para deixar de premiar uma região que não tenha produzido obra digna de premiação. Isso está bem evidente no edital. São passadas cinco obras de cada região para a escolha final, e estas podem ser premiadas ou não”, explica Roberto Azoubel, 

Criado como Prêmio Pernambuco de Literatura, foi em 2018, por conta do centenário de Hermilo, que passou a levar o renomado escritor, crítico literário, jornalista, dramaturgo, diretor, teatrólogo e tradutor pernambucano no nome. Foi nesse mesmo ano que houve também uma ampliação do seu valor total de premiação, que passou de R$ 56.000,00 para R$ 90.000,00. Este ano, outras alterações foram feitas para buscar uma maior valorização do prêmio: inscrição menos burocrática, valores maiores aos ganhadores e a extinção dos segundos lugares, além de uma “quarentena” de 3 edições aos últimos vencedores.

“Nós buscamos democratizar mais o processo, facilitando a vida dos participantes. Além do que foi citado, reduzimos de dois para um ano a comprovação de residência no Estado de Pernambuco, facilitando o acesso ao edital”, complementa Azoubel, que também destaca a parceria indispensável da SECULT-PE e da FUNDARPE com a CEPE. “É muito relevante essa parceria com a CEPE, uma editora com sucesso nacional. É um diálogo importantíssimo para o êxito do prêmio”, conclui.

Podem participar desta 8ª edição escritores residentes no Estado de Pernambuco com obras inéditas nos gêneros Conto, Poesia e Romance, residentes há pelo menos 01 ano em Pernambuco nas regiões Metropolitana, Zona da Mata, Agreste e Sertão. As inscrições são gratuitas e deverão ser feitas no período de 16 de maio de 2022 a 20 de junho de 2022, até às 17h. Os interessados deverão se inscrever exclusivamente pelo Mapa Cultural de Pernambuco, por meio do formulário disponível no link: www.mapacultural.pe.gov.br/oportunidade/919.

Já venceram o Prêmio Hermilo Borba Filho de Literatura nomes como Bruno Liberal, Ezter Liu, Luiz Serguilha, Renata Santana, Fernando Monteiro, Rejane Paschoal, Álvaro FIlho e Walther Moreira Santos. Vale demais participar.

--

SERVIÇO

Prêmio Hermilo Borba Filho de Literatura

Premiação por região e prêmio de grande vencedor do ano

Gêneros Conto, Poesia e Romance

Inscrições de 16 de maio de 2022 a 20 de junho de 2022, até às 17h, exclusivamente pelo Mapa Cultural de Pernambuco: www.mapacultural.pe.gov.br/oportunidade/919

Notícias Relacionadas

Comente com o Facebook