Carregando
Recife Ao Vivo

CBN Recife

00:00
00:00
Notícias

Zé Neto: "alagamentos no Recife exigem ações integradas e planejamento urbano sustentável"

Por: REDAÇÃO PORTAL
Audiência pública convocada pelo vereador do Recife pelo Pros, alertou sobre os 70 pontos críticos.
12/04/2021
    Compartilhe:

O Recife exige soluções integradas e com planejamento de longo prazo para a eliminação de problemas crônicos no período do inverno, como os alagamentos e deslizamentos de barreiras. Essa é a avaliação do vereador Zé Neto (PROS), que presidiu audiência pública, realizada na última sexta-feira (09), na Câmara Municipal, para a identificação de ações que venham a prevenir situações caóticas como as vivenciadas na cidade neste final de semana de temporais.

"Problema crônico e histórico no Recife, não encontraremos soluções simples e a curto prazo. É necessário avançarmos tanto no aspecto da legislação, como da formulação e financiamento de soluções modernas e sustentáveis para drenagem na cidade", disse o parlamentar ao apresentar estudo no qual identificou os pontos críticos de alagamento, como o túnel da via Mangue, a Avenida Mascarenhas de Moraes e a estação do metrô em Joana Bezerra.

O vereador se colocou à disposição para participar do trabalho integrado, que "certamente  irá impactar positivamente a vida dos recifenses", frisou, ao concluir a audiência virtual convocada pela Comissão de Planejamento Urbano, por ele presidida.

Participaram os vereadores Alcides Cardoso (DEM), Chico Kiko (PP) – ambos integrantes da Comissão – e Felipe Alecrim (PSC), além de representantes de vários órgãos públicos ligados à área de urbanismo.

O engenheiro Pedro Oliveira, da Empresa de Manutenção e Limpeza Urbana (Emlurb), fez uma apresentação sobre a implantação do saneamento básico e urbanização do Recife, detalhando a questão geográfica da cidade e a capilaridade de seus rios e canais, como preponderantes para alguns dos problemas de frequentes alagamentos. Também representando a entidade, participaram o diretor Sérgio Matos e a técnica Juliana Aueiz.

As ações que vêm sendo implementadas pela Prefeitura do Recife foram ressaltadas pela engenheira da Defesa Civil do Recife, Elaine Hawson, e por Lúcia Soares, da URB, lembrando os quase 70 pontos de alagamento já identificados na cidade, com o devido monitoramento e rotinas de prevenção, colocação de lonas plásticas e limpeza de galerias e canais.

O líder comunitário Beline Lopes, do bairro do IPSEP, reconheceu a importância da participação coletiva e pleiteou junto à Emlurb, a ampliação do programa de cooperativas para recolhimento do lixo reciclado, como forma de ajudar na limpeza e ainda gerar renda para a comunidade.

"Esta audiência foi um primeiro passo para buscarmos essa necessária integração para um Recife ainda melhor. A cidade tem registrado altos índices de crescimento urbano e a infraestrutura precisa acompanhar para oferecer aos cidadãos qualidade de vida", completou Zé Neto.

Notícias Relacionadas

Comente com o Facebook