Carregando
Recife Ao Vivo

CBN Recife

00:00
00:00

Sobre Nós

Quer Saber? Vem Ver Agora!

O PORTAL VER AGORA foi idealizado por um grupo de jornalistas aliados ao Grupo Adapta, empresa que tem mais de treze anos de mercado, e oferece soluções tecnológicas.

No VER AGORA você saberá em tempo real tudo o que acontece no cotidiano das cidades, na política, nos esportes, na economia e nas artes, cultura e sociedade.

Além disso, nossos blogueiros e colunistas oferecem uma visão crítica e plural dos mais variados assuntos em um ambiente multimídia e
totalmente integrado às mídias sociais, que hoje são uma rápida e eficiente fonte de informação.

PRINCÍPIOS EDITORIAIS
O jornalismo de qualidade é resultado de um conjunto de atitudes que envolvem credibilidade da notícia; análise imparcial e precisa; apuração da veracidade dos fatos e dos depoimentos; pluralidade de assuntos; respeito aos Direitos Humanos e à diversidade; negação de todo o tipo de preconceito de raça, gênero, religião, disseminação de ódio; independência editorial sem vínculos comerciais, ideológicos ou partidários; respeito às fontes, aos personagens e sobretudo aos leitores, é que está criado o VER AGORA, o seu novo portal de notícias, sob os seguintes princípios:

1. O Ver Agora é apartidário, laico, repudia todas as formas de preconceito, é independente de governos e grupos econômicos, é nacionalista e tem extremo apreço ao Brasil e à sua diversidade, à sua democracia, à sua cultura e ao seu povo. Sob nenhum pretexto abrirá espaço para a xenofobia ou ao desdenhar em relação a outros povos e culturas;

2. Na apuração, edição e publicação de uma reportagem, os jornalistas deixarão de lado suas idiossincrasias e gostos pessoais. Simpatizar com o assunto ou personagem não é critério para que algo seja publicado. O único critério é ser notícia;

3. Inexistem assuntos considerados tabus. O que se tratar de interesse público, será considerado notícia e deve ser publicado, analisado e discutido;

4. Uma reportagem, seja ela factual ou analítica, deve conter os diversos ângulos que a cercam, todos os acontecimentos devem ser abordados. O respeito ao contraditório deve ser sempre acolhido, possibilitando aos envolvidos o direito à sua versão sobre os fatos, à exposição do seu ponto de vista ou simplesmente ser explicar no que considerar conveniente;

5. O Ver Agora, estará sempre antenado às evoluções tecnológicas da notícia, abrindo espaço para a participação ativa de seus leitores, através do envio de imagens e áudios que, ao apurar da veracidade, serão publicados ou não;

6. A notícia como ferramenta de desenvolvimento humano será sempre a prioridade do Ver Agora, que também trará em sua página principal ou nos hotsites parceiros, entretenimento e lazer aos leitores;

7. O Ver Agora buscará parceiros comerciais para manutenção do portal, preservando que as decisões editoriais sobre reportagens que venha a citar anunciantes, não levaram em conta essa situação e serão tomadas a partir dos mesmos critérios usados em relação aos que não sejam anunciantes;

8. O nosso corpo de comentaristas, cronistas e colaboradores, fixos ou eventuais, seja na home (página principal) ou nos hotsites, primará sempre pela pluralidade, expressando um amplo arco de tendências legítimas admitidas dentro de uma sociedade democrática. Os parceiros em hotsites, articulistas, cronistas e colaboradores fixos terão por obrigação seguir esses Princípios Editoriais e zelar pela veracidade das informações usadas na sustentação de suas opiniões. Ressaltando ainda, de forma clara, que a responsabilidade pelo que é dito e assinado é única e exclusiva do autor do escrito e não, sob nenhuma hipótese, do Ver Agora;

9. No cumprimento de agilidade, importância, veracidade e pluralidade da notícia, o Ver Agora poderá reproduzir matérias de agências ou de outros órgãos de comunicação local, nacional ou internacional, desde que se respeite às normas desses órgãos, haja a devida apuração do fato e a citação explícita da fonte;

10. A apuração respeitará a privacidade das pessoas, sobretudo em seu lar e em seu lugar de trabalho. Mesmo quando se tratar de pessoas públicas (celebridades, artistas, políticos, autoridades religiosas, servidores públicos em cargos de direção, atletas e líderes empresariais, entre outros) que por definição abdicam em larga medida de seu direito à privacidade, será amplamente avaliado se os aspectos de suas vidas privadas podem ser relevantes para o julgamento de suas vidas públicas. O direito à defesa será irrestritamente assegurado.

11. O Ver Agora não será tutor do comportamento de seus colaboradores fixos, eventuais ou convidados, em redes sociais ou nas suas vidas públicas ou privadas. Mas não tolerará por parte desses, manifestação pública que extrapole os princípios da liberdade de expressão, incentive a xenofobia, o preconceito, o ódio, qualquer tipo de violência, o desrespeito ao meio ambiente, à democracia e a convivência pacífica entre os povos.

O compromisso do VER AGORA é ser um portal de notícias independente, apartidário, democrático, laico e isento, onde a correção e a agilidade da notícia serão sempre a meta a ser alcançada de forma clara e honesta. O VER AGORA não é a favor nem contra governos, igrejas, clubes, empresas ou partidos. A defesa intransigente do respeito à democracia, às liberdades individuais, à livre iniciativa, aos direitos humanos, às leis, à Constituição da República, ao desenvolvimento da tecnologia e da ciência, à preservação da natureza e das raízes culturais; esses sim, valores sem os quais uma sociedade não se desenvolve, são os pilares que sustentarão a existência e atuação do VER AGORA - O SEU PORTAL DE NOTÍCIAS.